Tá tudo bem em tirar um tempo para você

Textos

Como vocês sabem, meu 2016 foi péssimo. Como vocês também sabem, tenho depressão. Depressão somada de notícias ruins e acontecimentos horríveis resultou em eu querer ficar no meu casulo na cama assistindo The O.C., comendo chocolates e refletindo sobre o que eu queria para a minha vida.

Muitas vezes tentei fazer algo apenas para outras pessoas quando obviamente não estava num momento bom para isso, e só resultou em catástrofes e piorou o que eu estava sentindo.

Tá tudo bem em você tirar um tempo para si mesma. Tá tudo bem em você focar na sua melhora. Tá tudo bem em você fazer o que gosta. Tá tudo bem em você ficar um dia todinho jogando videogame ou lendo um livro. Tá tudo bem em você deixar de ir para a balada para refletir no que você quer fazer sobre sua vida. Tá tudo bem em você não conseguir fazer uma prova porque está se sentindo mal, suas notas não te definem. Tá tudo bem em você fazer maratona de Grey’s Anatomy com 1 litro de sorvete de flocos.

A coisa mais importante da nossa vida deve ser nós mesmas. Se não estamos bem em fazer algo, não devemos fazer. A sua saúde mental é o que importa. Não há estudo, amizade ou situação mais importante que ela, e sabe o por que? Se você está mal, não conseguirá se dedicar da forma que gostaria às essas outras coisas e pessoas. Cuidar de si mesma não é egoísmo.

Vou dar exemplos para você. Sou fotógrafa e trabalho nas baladinhas. Porém, em um certo momento, no meio da minha bagunça, estava me sentindo muito desconfortável e desanimada em fazer esse trabalho. Me forcei a seguir em frente com isso, e o sentimento só piora e me consumia. Fiz uma pausa desse trabalho, me aventurei em outros projetos e me redescobri. Hoje em dia, graças à minha pausa, descobri outros caminhos para fazer o que amo e também outras formas de lidar com o meu trabalho de fotografar festas.

Esse tempo é necessário para você descobrir o que quer e para onde quer ir. Você tem vários caminhos na vida, e se fechando para um que não está te fazendo bem, não conseguirá ver essas estradas toooooodas que estão na sua frente. Você pode descobrir paixões, hobbies, gostos novos e ficar mais leve com suas escolhas.

Use o seu tempo para fazer o que sempre teve vontade. Aprenda o que sempre teve curiosidade. Aventure-se. Corra atrás do que você quer, e não deixe ninguém te barrar. O caminho da sua felicidade é você mesma quem faz.

Largue esse emprego que te faz infeliz. Se afaste de pessoas que te colocam para baixo. Termine o namoro que não te faz bem. Mantenha na sua vida o que te coloca para cima, não para baixo. Tenha o seu tempo, você não precisa resolver todos os seus problemas de um dia para o outro. Seja dona de si e não deixe ninguém decidir o que fará com a sua vida. Viva um dia de cada vez. Priorize sua saúde mental.

Sabine D'Alincourt
POR Sabine D'Alincourt

Futura publicitária de 22 anos. Seu melhor dia foi no show do Green Day e seu objeto preferido é o seu CD do Cobra Starship. Apaixonada por música, moda e fotografia, ainda sonha em morar em New York.